Carolina Patrocínio | Chef Continente
Dificuldade:
Custo:
Tempo de Preparação:
Tipo de Refeição:
Ocasiões:
Chef:
Dieta:

Entrevistas

Carolina Patrocínio

home-slider-top

A apresentadora do Fama Show, deu início a uma plataforma de economia circular: a BabyLoop

Licenciada em Comunicação Social e Cultural e com um mestrado em Media e Jornalismo, Carolina Patrocínio é, desde 2014, uma das apresentadoras do Fama Show, na SIC. Para trás já tinha no currículo programas como Disney Kids, Tá a Gravar, XXS e TGV. Mãe de três meninas (a Diana, a Frederica e a Carolina), consegue conciliar a sua vida profissional e pessoal com muita organização e planeamento.

Com e quando lhe surgiu a ideia de criar a BabyLoop?
As minhas filhas têm idades muito próximas – tive três crianças em quatro anos – o que fez com que tivesse de ter muitos equipamentos em simultâneo, desde cadeirinhas, berços, etc. E à medida que elas vão crescendo, alguns equipamentos deixam de ser necessários e acabam por ficar a um canto. Sabia que este não era um problema só meu, as minhas amigas e irmãs passaram pelo mesmo, então senti que faltava arranjar uma solução que fosse útil para todos. E foi esta necessidade aliada à minha vontade de abraçar um novo projeto que fez nascer a BabyLoop. Nos últimos anos, estive muito focada na família e na SIC e agora senti que era o momento certo para avançar com algo diferente.

Pode explicar do que se trata este projeto?
A BabyLoop é uma plataforma de economia circular dedicada a produtos de puericultura, onde qualquer pessoa pode vender e comprar artigos de bebé. O objetivo é permitir às famílias uma forma simples de recuperarem o seu investimento, dando a quem quer comprar a possibilidade de adquirirem produtos de qualidade a preços muito mais baixos. Acredito que cada vez mais pessoas optam pela reutilização, pois já é senso comum que precisamos urgentemente de transitar para uma economia cada vez mais circular, reutilizando e evitando desperdício. A BabyLoop torna tudo isto muito fácil: com alguns cliques e uma foto, a BabyLoop envia uma avaliação do produto e depois só é preciso entregá-lo numa loja Continente aderente. Todos os produtos são testados, tratados e devidamente fotografados. Quem compra, não compra apenas mais barato. Compra produtos de qualidade, com garantia, ao mesmo tempo que poupa o ambiente.

O cartão continente também desempenha um papel nesta plataforma?
Sim, o Continente e o Cartão Continente são parceiros desde a primeira hora. Há 78 lojas em todo o país onde as pessoas podem entregar os seus produtos, que vão depois para a BabyLoop, onde são limpos, testados e fotografados. Depois de vendidos, podem resgatar o saldo ganho com a venda para o Cartão Continente, bastando indicar o número do seu Cartão. Além disso, temos uma campanha em que por cada produto entregue numa loja Continente aderente, a BabyLoop dá €10 em Cartão Continente para além do valor da venda do produto. Basta apenas inserir o código promocional na plataforma, que é o BABYCNT.

Como concilia a sua vida profissional com a rotina de ser mãe de três crianças?
Com muita organização e planeamento, recorrendo às ajudas que me são possíveis e desdramatizando. Assumindo que muitas vezes o caos vai reinar, mas que também haverá momentos muito bons, que se vão sobrepor e que vão valer a pena por todo o esforço e dedicação que uma mulher tem que fazer para estar a 100% no trabalho e a 100% em casa, e sem culpabilizações também.

Já tem a Diana, a Frederica e a Carolina. Gostava de ter mais filhos?
Sim, gostava, mas não para já. As minhas filhas são muito pequenas, portanto quero aproveitá-las mais e dedicar-lhes mais tempo.

Qual o estilo (falando de moda) que mais gosta de ver nas suas filhas?
É, sem dúvida, um estilo mais confortável, aquilo com o qual elas se sentem melhor e, portanto, não ligo muito a isso.

Que "gurus" segue no Instagram?
O perfil que mais gosto de seguir no Instagram é o @therock, por todo o seu lado inspiracional, por ser um perfil também muito dedicado à saúde, ao bem-estar e ao fitness. É um dos meus preferidos.

Qual o ingrediente culinário que considera mais versátil?
O ingrediente com mais utilidade na cozinha, para mim, é o ovo.  Consumo vários ao longo do dia, consigo fazê-los das mais variadas formas e acabam sempre por safar uma refeição.

O que faz para manter a sua boa forma física?
Sou muito disciplinada no que toca a treinar. Treino pelo menos quatro vezes por semana, sigo uma dieta proteica e, acima de tudo, sou focada nos objetivos que quero atingir.

Restaurantes a não perder?
Um restaurante que eu aconselho é o Praia no Parque, no Parque Eduardo VII, em Lisboa. Além do restaurante, é a experiência e o ambiente que se vive, que torna uma noite diferente, divertida e animada.

Um segredo para o seu equilíbrio?
O segredo para o meu equilíbrio é não haver lugar para extremismos, ou seja, tudo com responsabilidade e ponderação.

Adjetivos para caracterizar as suas meninas.
São aventureiras, são destemidas, são independentes.

Um destino que definitivamente a marcou?
Um destino que marcou foi a Costa Rica, por toda a dedicação à preservação da natureza. Foi uma viagem que fiz com o meu marido e foi absolutamente inesquecível.

O que não pode faltar no seu frigorífico e despensa?
Não pode faltar fruta. Nunca pode faltar fruta.

Cuidados de beleza que nunca dispensa?
Limpeza de pele, hidratação e beber muita água.

Qual é o seu guilty pleasure?
O meu guilty pleasure, a que não consigo mesmo resistir, são as batatas fritas.

O que não pode faltar no seu guarda-roupa?
Uns calções de ganga.

Ser mãe é...
Ser mãeé conseguir fazer várias tarefas ao mesmo tempo e resolver problemas a todo o momento.

O que a faz sentir realizada?
A minha família.

Mais entrevistas