Up Alentejo | Chef Continente
Dificuldade:
Custo:
Tempo de Preparação:
Tipo de Refeição:
Ocasiões:
Chef:
Dieta:

Destinos

Up Alentejo

home-slider-top

Viagem de balão com a Up Alentejo

São vários os locais a partir dos quais a empresa Up Alentejo opera os seus voos em balões de ar quente na região alentejana
(informação disponível em www.upalentejo.pt). A equipa da Continente Magazine foi convidada a subir a bordo de um deles ao raiar do dia no Vila Galé Clube de Campo, em Beja. O programa tem duração de três horas, entre briefings de segurança, uma hora de voo, aterragem, brinde ao sucesso do passeio, entrega de certificados de voo e regresso ao local de partida. Com cestos com capacidade que variam entre quatro e 12 pessoas, os balões da Up Alentejo voam durante todo o ano, já que as excelentes condições meteorológicas de Portugal o permitem fazer. Entre abril e setembro, os voos fazem-se sobretudo ao nascer do sol e entre outubro e março muitos dias oferecem boas condições para voar de manhã após o nascer do sol, e de tarde duas horas antes do pôr do sol.
Vestidos com roupa e calçado confortáveis, como é recomendado, com o balão na vertical e já dentro do cesto, a viagem começa de forma suave em direção ao céu. E é então que tudo muda e que tem início uma experiência de vida emocionante e inesquecível. Ao sabor do vento, sem rumo e sem destino, vemos de cima um Alentejo sereno, que lentamente vai mostrando as planícies dos barros de Beja e a barragem do Roxo, que compõem uma paisagem agrícola enriquecida pelas águas do Alqueva. Apetece o silêncio quando se agiganta a beleza que se avista lá em baixo a partir da tranquilidade dos céus. Mas os 60 minutos desta hora parecem passar a correr e este voo, que foi único e irrepetível (como é cada um dos outros), tem de baixar à terra e deixar-nos seguir para fora do deslumbramento que ainda nos varre os sentidos.

ONDE DORMIR
Casa dos castelejos
A recuperação de uma casa abandonada, de traça alentejana, inserida numa propriedade agrícola com uma tranquila paisagem sem fim como pano de fundo foi, em 2012, a concretização de um projeto de sonho na área do turismo rural que recebeu o nome de Casa dos Castelejos. Aos cinco quartos e um apartamento do edifício original juntou-se posteriormente outro espaço, também uma casa recuperada (uma antiga ruína em pedra), que conta com três suites e duas grandes salas com amplas janelas e portas de sacada. No verão, no exterior, a piscina convida a banhos refrescantes. No inverno, lá dentro, a lareira chama para horas passadas à conversa.

ONDE COMER
Casa do Alentejo
Este restaurante localizado em Castro Verde tem uma decoração típica e agradável e pormenores que chamam a atenção, como o curioso tanque de lavar roupa que serve de lavatório para as mãos. Ajuda, mas não é por isto que os clientes se sentam às suas mesas. É, certamente, pelas delícias que são criadas na cozinha e que fazem crescer água na boca. A sopa de cação, a sopa de tomate com entrecosto, os lombinhos com mel e coentros, a carne de porco à alentejana e a tarte de requeijão não deixam ninguém indiferente.

O celeiro
Situado no coração da planície alentejana, na simpática vila de Entradas, este amplo restaurante com capacidade para 70 pessoas e que apresenta uma decoração rústica, aposta na confeção de pratos tradicionais alentejanos e em cozinha de autor. Como especialidades, chegam às mesas caldeirada de borrego, borrego assado no forno, cozido de grão com carne de porco, pezinhos de porco de coentrada, migas com entrecosto e mioleira de porco. A experimentar.

INFORMAÇÕES
Up Alentejo
Hotel Vila Galé Clube de Campo
Herdade da Figueirinha, Santa Vitória, Beja
Tel.: 925 508 116 | 965 585 718

Casa dos Castelejos
Trav. da Alegria, São Marcos da Atabueira, Guerreiro
Tel.: 969 489 844

Casa do Alentejo
Largo da Feira, 7, Castro Verde
Tel.: 917 266 352

O Celeiro
R. da Ermida, Entradas
Tel.: 966 287 687 | 286 915 200

Mais destinos