Montemor-o-Novo | Chef Continente
Dificuldade:
Custo:
Tempo de Preparação:
Tipo de Refeição:
Ocasiões:
Chef:
Dieta:

Destinos

Montemor-o-Novo

home-slider-top

Uma cidade com todo o encanto do Alentejo

Para retemperar forças e eliminar o stresse, nada como uns dias no Monte do Freixo Poente, uma casa de campo com a assinatura do resort L’And Vineyards.
Situada em pleno Alentejo, no distrito de Évora, numa região calma e tranquila, a meio caminho entre Lisboa e a fronteira espanhola, a cidade de Montemor-o-Novo sempre foi um baluarte importante no domínio do território português. Nestas planícies marcaram presença os homens do Paleolítico e do Neolítico e os seus vestígios ainda podem ser observados nos inúmeros monumentos arqueológicos pré-históricos que se destacam na paisagem montemorense. A Gruta do Escoural é um dos seus maiores exemplos.

Lugar de passagem também de romanos e árabes, foi já na Idade Média que a vila de Montemor, no interior das muralhas do atual castelo (uma visita imperdível), se afirmou como um local de fixação da população. Receberia assim o seu primeiro foral em 1203 pela mão do rei D. Sancho I e, já no reinado de D. Dinis, aqui se decidiu a fundação dos Estudos Gerais em Portugal que viriam a dar origem à Universidade de Coimbra.

Durante os séculos XV e XVI, Montemor-o-Novo conheceria a fase de maior apogeu, sendo local de reunião de cortes gerais do reino e habitual residência do rei português. Elevada a cidade em 1988, Montemor-o-Novo tem ruas, escadas, patamares e pequenos largos carregados de história, singularidades arquitetónicas, vestígios de arte manuelina, um deslumbrante património religioso, palácios setecentistas, uma forte presença conventual e trabalhos de azulejaria e de pintura mural.

ONDE FICAR
MONTE DO FREIXO POENTE. A cerca de 15 quilómetros de distância da cidade de Montemor-o-Novo, situado numa colina com uma vista extraordinária e numa área natural preservada com mais de 500 hectares, ergue-se a casa de campo ideal para quem procura conforto, tranquilidade e isolamento durante uns dias de descanso. O Monte do Freixo Poente, que tem a assinatura e o bom gosto do resort L’And Vineyards, é um monte tradicional alentejano no centro de uma herdade que foi recuperado por forma a preservar a sua identidade, integrando a paisagem, a decoração interior e a arquitetura, por forma a criar uma atmosfera única. A casa (que só é alugada por inteiro) tem três quartos de casal em suite e uma sala grande que abre para um enorme alpendre. Na sala há uma lareira giratória e uma cozinha totalmente equipada. A decoração é de madeira e com um pavimento de ladrilhos de barro regionais.

Todas as manhãs, o pequeno-almoço é entregue à porta. Os dias podem ser preenchidos a desfrutar da piscina privada, a andar nas bicicletas que estão à disposição dos hóspedes, a descansar no Spa do L’And Vineyards, a degustar a boa gastronomia do restaurante do resort... ou, simplesmente, a não fazer nada, aproveitando o tempo para contemplar a magnífica e serena planície alentejana.

ONDE COMER
PÁTIO DOS PETISCOS. Abriu as portas em 2009, em Montemor-o-Novo, para dar início à arte de bem servir comida tradicional alentejana e cozinha de fusão. O ambiente é familiar e acolhedor e o espaço está apto a receber grupos. A ementa é variada, a carta de vinhos privilegia os alentejanos. Aos fins de semana, não falta divertimento e animação aos jantares com as noites temáticas e o serviço de bar. Entre as especialidades do Pátio dos Petiscos contam-se ovinhos de codorniz escalfados à Pátio, moelinhas fritas ao alhinho, carne maturada com batata frita caseira e choco frito com gambas com migas de coentros.

A RIBEIRA. Podia ser mais um restaurante entre muitos em Montemor-o-Novo. Mas não é. A Ribeira marca a diferença porque a ementa é cantada em rap. Explicando: Carlos Carriço, o proprietário, todos os dias sobe a uma cadeira ou mesa e, fazendo-se acompanhar pelo ritmo do estalar dos dedos e de palmas, informa quais os pratos que estão à disposição dos clientes. A letra pode não rimar, mas a diversão é garantida e já há até quem acompanhe Carlos em algumas partes dos seus raps. Neste restaurante, que abriu as portas em 1999, as saladas de polvo, de ovas e de orelha são um clássico nas entradas. Já nos pratos principais são de experimentar o
bacalhau frito com tomatada e o borrego assado no forno. Na hora de apresentar a conta, Carlos Carriço resume o consumo da mesa, das entradas à sobremesa, num ritmo de fado. Há música do princípio ao fim da refeição.

INFORMAÇÕES
MONTE DO FREIXO POENTE
Herdade das Valadas, Estrada Nacional 4,
Apartado 122, Montemor-o-Novo
Tel.: 266 242 400 | 939 350 117

PÁTIO DOS PETISCOS
R. Curvo Semedo, 39, Montemor-o-Novo
Tel.: 266 890 038 | 918 116 597

A RIBEIRA
R. de S. Domingos, Montemor-o-Novo
Tel.: 266 890 211

Mais destinos