--- | Chef Continente
Dificuldade:
Custo:
Tempo de Preparação:
Tipo de Refeição:
Ocasiões:
Chef:
Dieta:

Blog

O Dia do Pai pede um bom vinho

| Comer, Beber e Lazer

15-03-2018 20:03

De todos os dias especiais ao longo do ano muitos são aqueles que à partida sugerem a abertura de uma garrafa de vinho. Somos (os portugueses) muito facilmente levados a juntar a boa comida, os vinhos e os amigos à volta de uma mesa sempre que a oportunidade espreita.

Mas em boa verdade, o Dia do Pai sempre o tive como aquele dia de partilha com esse alguém que já é especial, com ou sem dia marcado no calendário. A partir de uma determinada idade, o Dia do Pai passou a juntar à equação a escolha de um bom vinho. Apenas para oferta ou para beber em sua companhia este dia passou a ser dia dos vinhos que fui guardando de forma consciente para um momento merecido e, nesta data, muitos têm abertura agendada.

Por outro lado, em conversa com amigos, percebi que a escolha de um vinho para este dia pode não parecer uma tarefa tão fácil como aparenta. Assim, nas linhas seguintes deixo algumas dicas que poderão facilitar essa escolha.

Um dos fatores mais decisórios costuma ser o preço, no entanto,  há que ter em conta que um vinho especial não significa necessariamente ser o mais caro na prateleira. A escolha deve ser baseada no perfil dos vinhos que normalmente são comprados e bebidos pelo seu Pai. Se esteve atento no resto do ano não deverá ser difícil seguir esta sugestão.

Lembre-se também que este não é um dia para experiências ou para o convencer que determinado tipo de vinho é o melhor do mundo. Se sempre o ouviu resmungar acerca de deste ou daquele tipo de vinho e pensa que se lho oferecer neste dia a opinião poderá mudar... esqueça. Este dia é para jogar pelo seguro. Se o seu Pai adora vinho tinto, esqueça a opção vinho branco.

Tenha também em conta o facto do seu Pai não ser tão apaixonado pelo vinho como o filho. Se o seu Pai ainda não é um amante fervoroso deste néctar opte por um perfil mais consensual, sem grandes "esquisitices" ou factores que o possam afastar da sua linha de gosto.

Por último não esquecer do adereço principal a juntar à garrafa de vinho que escolher. Se branco ou tinto, do preço mais baixo ou do mais elevado, do rótulo mais desconhecido ao mais sonante, não se esqueça de ir junto com o embrulho. O vinho vai ter com certeza outra atenção.

,